Atenção: Secar as mãos é tão importante quanto lavá-las

Atenção: Secar bem as mãos é tão importante quanto lavá-las

Pesquisa aponta como o simples ato de secar as mãos pode manter a vida livre de contaminações

Já falamos aqui sobre a importância de lavar bem as mãos para impedir a propagação de doenças no ambiente de trabalho. Seja em casa, na rua ou no ambiente de trabalho, fazer a higienização das mãos é extremamente importante para a nossa saúde, no entanto, você sabe se está fazendo isso da maneira correta?

Uma pesquisa feita pela rede BBC no Reino Unido apontou que, quando perguntado, 99% dos entrevistados afirmaram lavar as mãos após usar o banheiro, mas na prática, a pesquisa mostrou outro resultado. Utilizando um dispositivo que registra o uso das torneiras em um banheiro revelou-se que apenas 32% dos homens lavaram as mãos, já em relação as mulheres 64% realizaram o procedimento.

Perguntado sobre os momentos em que faz a higiene das mãos, o instrutor de informática, Washington Santos, foi categórico: “Lavo as mãos após ir ao banheiro e antes de manipular alimentos. Fora isso, só quando está visivelmente suja ou um pouco suada”, comentou.

Ainda que o instrutor ignore os perigos de contaminação em seu ambiente de trabalho, Washington afirma que ao lavar as mãos sempre faz uso do sabonete e logo depois as seca bem com toalhas de papel, quando estão disponíveis.

Alerta diário

As mãos estão sempre em contato com o ambiente ao nosso redor: no coletivo, no corrimão da escada, nos botões do elevador, ao abrir portas e ao segurar dinheiro. Também levamos as mãos à boca ao espirrar ou ao limpar a secreção no nariz. Estes são apenas alguns dos exemplos de como podemos nos contaminar ou espalhar germes nocivos ao nosso redor. Por esta razão, é tão importante manter a higiene das mãos, mas não basta apenas lavar bem com água e sabão, é preciso secá-las bem para que não ocorra a proliferação de bactérias com a pele úmida.

Em ambientes com muita circulação de pessoas, como shoppings e empresas, após lavar as mãos as pessoas podem secá-las utilizando toalhas de papel, ou ainda, com aparelhos eletrônicos que sopram ar quente ou frio. No que se refere à eliminação de vírus e bactérias, qual produto oferece mais qualidade?

Secadores elétricos são modernos e parecem ser mais eficientes já que não há contato direto com o aparelho, no entanto, o que parece ser um meio seguro para finalizar a higienização é um verdadeiro perigo para a saúde. É o que apontam estudos realizados na Universidade de Westminster, de Leeds, pelo Instituto de tecnologia de Massachusetts (MIT) e outros trabalhos publicados pelo Journal of Applied Microbiology.

Segundo as pesquisas, o jato de ar lança mais bactérias e vírus para as mãos, aumentando o número de microorganismos em 117%. Em comparação aos secadores de papel, as maquinas de jato de ar também lançam mais bactérias no ambiente. No que se refere aos aparelhos de jato de ar, eles espalham 60 vezes mais organismos que aparelhos de ar quente, e 1.300 vezes mais do que toalhas de papel.

mãoslimpas2

Manter as mãos limpas é uma atitude importante para impedir a propagação de doenças.

Outro fator negativo dos sopradores é a demora em secar as mãos, sendo necessários 30 segundos de ação. Durante a pesquisa os voluntários desistiram antes do final do tempo: os homens foram os menos pacientes abandonando o aparelho em 19,6 segundos, já as mulheres desistiram após 25,4 segundos. Com a folha de papel o tempo gasto é de apenas 11 segundos.

As pesquisas apontam que o uso do papel toalha é mais eficiente, diminuindo em 24% a quantidade de vírus e bactérias na pele. É importe usar papéis de qualidade que não esfarelem ou rasguem na mão, e que de fato possam secar as mãos.

Ainda que secar bem as mãos seja importante para eliminar de forma mais eficiente os microorganismos na pele, o mais importante é fazer a limpeza de forma adequada, utilizando água e sabão ou produtos anticépticos.

Quando lavar as mãos

Manter as mãos limpas é uma atitude importante para impedir a propagação de doenças, já que as transmissões de infecções virais e bacterianas podem ocorrer através do contato com outras pessoas. Com a higienização das mãos a pessoa contribui para impedir este processo de contaminação.

A educadora social Sara Maria está atenta para evitar este tipo de contaminação no trabalho. Diariamente, Sara está em contato com adolescentes em uma ONG na cidade de Vitória, no Espírito Santo. Além de receber os jovens que chegam ao projeto, a educadora também realiza tarefas no setor administrativo organizando documentos.

Estando exposta a milhares de microrganismos, Sara Maria afirma manter a higiene das mãos lavando-as sempre que termina alguma atividade. Esta medida contribui para reduzir a contaminação de infecções comuns, como resfriado, gripes, hepatite A, conjuntivite, escabiose e muitas outras. Essa medida deve ser redobrada principalmente por aqueles que possuem contato próximo com bebês, idosos e pessoas debilitadas.

É preciso estar atento para manter higiene pessoal lavando as mãos nas seguintes situações:

  • Antes e depois de preparar comidas;
  • Antes de começar a comer;
  • Antes de tratar qualquer ferida ou machucado;
  • Antes e depois de entrar em contato com qualquer pessoa doente;
  • Depois de usar o banheiro;
  • Depois de trocar fraldas ou limpar alguma criança que tenha ido ao banheiro;
  • Depois de assuar o nariz, tossir, espirrar, pentear cabelo ou ter contato com qualquer tipo de secreção corporal;
  • Depois de apertar as mãos de outra pessoa;
  • Depois de entrar em contato com animais;
  • Depois de manusear lixo;
  • Toda a vez que a mão estiver nitidamente com alguma sujeira.

Soluções Wesco para empresas

Para preservar o bem estar e saúde de funcionários e clientes de cada empresa, a Wesco possui diversos produtos que atende a sua necessidade, promovendo um ambiente seguro e livre de contaminações que possam vir a prejudicar o ambiente de trabalho e diminuir a efetividade da produção.

A linha de dispensers para sabonetes é fácil de usar possui liberação precisa, evitando o desperdício do produto, e facilitando o uso por crianças e idosos. Os dispensers para papel toalha proporcionam a economia comprovada de até 33% no consumo de papel ante a todos os outros sistemas do mercado, evitando o desperdício durante a utilização. Podendo ser instalados em qualquer ambiente, o dispenser para álcool em gel é excelente para a higienização rápida das mãos, já que não há necessidade de enxague.

Empresas que oferecem mais qualidade de vida no trabalho geram maior vínculo com os seus funcionários promovendo um ambiente mais acolhedor, o que auxilia a motivação das atividades e o aumento da produtividade.

A Wesco possui uma variedade de produtos indispensáveis para os cuidados da saúde e melhor satisfação de empregados e clientes. Para ter acesso a mais informações, tirar duvidas e conhecer nossa linha completa de produtos clique aqui.