Conheça as causas do mau hálito

O mau hálito é algo que pode acontecer com todo mundo – que provavelmente já aconteceu com todo mundo – e que pode render algumas situações embaraçosas, não é mesmo? “Nada que uma bala de menta possa resolver” você provavelmente vai dizer, mas isso é apenas paliativo, e daqui há alguns momentos, o mau hálito voltará.

O mau hálito, ou halitose – o termo médico para a condição – pode ser um sintoma de alguma outra coisa, e por isso é bom não ignora-lo, não apenas para evitar situações constrangedoras, mas para evitar também algum problema de saúde. Pesando nisso, no texto de hoje falamos um pouco sobre o que é o mau hálito, suas causas e seu tratamento.

O que é o mau hálito (halitose)?

Ao contrário do que se pode pensar, a halitose não é uma doença, mas sim um sintoma ou um sinal de que há algo acontecendo com a sua saúde bucal, e até mesmo com a sua saúde geral.

O mau hálito é exatamente o que o termo sugere: um hálito estragado, mal cheiroso, ruim. Aliás, o termo médico, halitose, tem origem da palavra em latim Halitus e significa “ar expirado”.

Causas do mau hálito

São diversas as causas do mau hálito, podendo ultrapassar o marco de 90 possíveis causas. Sendo que, em pouco mais de 95% dos casos, as causas da origem da halitose estão em problemas bucais, enquanto que em cerca de 7% dos casos, as causas da origem do mau hálito estão em problemas extrabucais – ou seja, fora da boca.

As causas mais comuns do mau hálito, com origem bucal, são a saburra lingual (que nada mais é o acúmulo de bactérias na língua) e as doenças gengivais. Enquanto que a causas mais comuns da halitose, com origem extrabucal, são os cáseos amigdalianos (um sinal da amigdalite), o jejum prolongado, a ingestão de alimentos capazes de influenciarem no nosso hálito (como alho e cebola, por exemplo), a diabetes não compensada, a hipoglicemia, possíveis alterações hepáticas, renais e intestinais.

Com isso dito, é importante ressaltar que o mau hálito não é causado pelo estomago, exceto em casos raros de patologia envolvendo esôfago e laringe. Portanto, se você sofre com a halitose, é altamente provável que a causa desse incomodo seja causado pelo acumulo de bactérias na língua ou por alguma doença gengival. O ideal é consultar um dentista a fim de analisar a causa e sugerir um tratamento correto.

Tratamento do mau hálito

Se você já notou que sofre com a halitose, e que ela persiste mesmo com você tendo uma boa higiene bucal, com escovação da língua e gengiva e com o uso regular do fio dental e de enxaguantes bucais, então a sugestão para você é marcar um horário com o seu dentista para analisar a sua situação. Esse é o primeiro passo, vá ao dentista.

Na sua consulta, o dentista começará a investigar seu mau hálito, para fazer isso ele provavelmente te fará um questionário altamente detalhado, onde haverá perguntas relacionadas à sua saúde bucal e geral. Além disso, ele também deverá fazer alguns testes de medição de quantidade de derivados de enxofre, verificação do fluxo salivar, testará sua pressão arterial e seus batimentos cardíacos, além de também avaliar se há apneia e/ou ronco, dente outros tipos de testes e avaliações.

Em seguida, uma avaliação bucal completa deve ser feita, incluindo as amigdalas, as bochechas e os lábios. Após esta extensa avaliação, o seu dentista poderá ter alguma respostas para a causa da sua halitose e a partir daí estabelecer o melhor tratamento para você.

Lembramos que o melhor tratamento é a prevenção, portanto mantenha a sua saúde bucal em dia e visite o seu dentista regularmente!

Visite seu dentista periodicamente e eduque-se!

Por isso que a visita periódica com seu dentista é tão importante. Somente ele pode avaliar o estado de sua saúde bucal, e somente ele pode te ajudar a prevenir doenças. Escove os dentes diariamente e utilize sempre o fio dental.

Wesco possui diversas opções de dispensers para a sua empresa ou consultório. Entre eles, a linha de inovações, onde a Wesco traz dispensers voltados para a saúde bucal, como dispenser para fio-dental e para enxaguante bucal. Conheça a nossa linha de dispensers clicando aqui

Com informações de: Mauhalito.com.br; Clinica Halitus.

× Como posso te ajudar?