Saiba reconhecer a erosão dentária | Wesco

Saiba reconhecer a erosão dentária

Veja os sinais da erosão dentária e hábitos que pioram a doença

Quando se trata de nosso organismo, aquela frase “você é o que você come” faz todo o sentido. Isso porque a alimentação afeta diretamente na nossa saúde, principalmente na saúde bucal.

Dentre as doenças que uma má alimentação pode causar em nossa boca, a mais conhecida é a cárie. Mas a erosão dentária também pode acontecer por causa de uma má alimentação.

A erosão dentária poderá acontecer, sobretudo, em um indivíduo com uma dieta alimentar rica em alimentos ácidos. Isso porque, os alimentos ácidos possuem a capacidade de desgastar o esmalte de nosso dente, facilitado a erosão dentária.

Confira:

O que é erosão dentária?

A erosão dentária é quando o esmalte (a camada mais externa de nossos dentes) se desgasta ou quando ela está reduzida, devido a ação de ácidos. Existem dois tipos de erosão dentária:

  • Erosão intrínseca: Esse tipo de erosão acontece quando há a presença do ácido gástrico ou de regurgitação no ambiente bucal. Pode acontecer devido à outras doenças, como, por exemplo, anorexia, bulimia, refluxo ou problemas psicológicos.
  • Erosão Extrínseca: Esse tipo de erosão acontece quando há a presença de ácidos oriundos da alimentação, que acabam tornando o ambiente bucal muito ácido.

Além do desgaste do esmalte, expondo a próxima camada (a dentina), a erosão dentária pode contribuir para o aparecimento de manchas dentais, sensibilidade nos dentes, e ainda pode deixar as pontas dos dentes frontais com a aparência de transparência.

Sinais da erosão dentária

Quando há o desgaste de esmalte em nossos dentes, ocasionando a erosão, diversos problemas podem começar a aparecer. Os principais sinais da erosão são:

  • Descoloração dos dentes: se você notar seus dentes amarelados, pode ser a dentina exposta.
  • Sensibilidade: se você nunca teve problemas com sensibilidade, e agora notou ter, pode ser um caso de erosão dentária. A camada da dentina é mais porosa, e mais sensível ao toque, ar, quente, frio, etc.
  • Dor de dente: por causa dessa sensibilidade, pode ser que você sinta algum tipo de dor nos dentes.
  • Ponta dos dentes com aparência de transparecia: se você notou que as pontas dos seus dentes frontais estão parecendo transparente, pode ser que você esteja com erosão dentária.

Se você notou alguma dessas mudanças em sua boca, procure um dentista. Somente esse profissional poderá te indicar o melhor tratamento para o seu caso.

Hábitos que podem causar erosão dentária

Alguns hábitos que temos são prejudiciais para a nossa saúde bucal. Confira alguns hábitos comum que temos e que podem causar a erosão dentária:

  • Creme dental inadequado: nem todo mundo se dá bem com qualquer creme dental. Se você desconfia que o creme dental que você desconfia não está te beneficiando, peça uma sugestão para o seu dentista.
  • Muita força ao escovar os dentes: não é necessário fazer força ao escovar os dentes, isso só ajudará a erosão dentária. Uma leve pressão e movimentos concentrados já bastam.
  • Alimentação inadequada: A alimentação inadequada pode ser um forte fator influenciador no estado de sua saúde bucal. Se você consome muitos alimentos ácidos ou industrializados, as chances de ter uma erosão dentária são maiores.

Visite seu dentista periodicamente e eduque-se!

Por isso que a visita periódica com seu dentista é tão importante. Somente ele pode avaliar o estado de sua saúde bucal, e somente ele pode te ajudar a prevenir doenças. Escove os dentes diariamente e utilize sempre o fio dental.

A Wesco possui diversas opções de dispensers para a sua empresa ou consultório. Entre eles, a linha de inovações, onde a Wesco traz dispensers voltados para a saúde bucal, como dispenser para fio-dental e para enxaguante bucal. Conheça a nossa linha de dispensers clicando aqui

Com informações de: Colgate; Minha Vida.