Odorizadores: uma terapia cotidiana

Odorizadores: uma terapia cotidiana

Como o cheiro pode mudar o humor em um dia ruim

Um ambiente perfumado pode melhorar o seu dia, até a sua saúde. Não acredita? Mais do que uma decoração bonita, existem diversos fatores que contribuem para uma sensação de bem-estar, organização e aconchego. Desde criança, o ser humano é guiado pelos seus sentidos. Algumas características, como diz a psicologia, ficam gravados para sempre. Daí vem a nostalgia, as lembranças boas ou ruins, as vontades. O cheiro da comida da avó, o perfume da mãe, o cheiro das roupas. Tudo se conecta numa incrível e emocionante viagem ao passado.

E seu dia pode ser salvo com alguma lembrança reconfortante se você manter um ambiente perfumado. Geralmente, o perfume está ligado aos desejos, as sensações de prazer. No reino animal não é diferente. São os perfumes que exalam de flores que atraem pássaros, insetos e até mamíferos, assim contribuindo para a polinização. Os humanos são apaixonados pelos bons odores, daí surgiram perfumes, sabonetes, cremes e etc. Todos conectados com a função de elevar a autoestima, além de atrair outras pessoas.

A eterna musa do cinema, Marilyn Monroe, admitiu que adormecia com algumas gotas do perfume Chanel nº 5. Ela, símbolo sexual nos anos 50, conseguiu em uma declaração mexer com o imaginário de seus seguidores, contribuindo ainda mais para o sucesso da marca.

Além da fantasia e desejo, um corpo ou ambiente perfumado pode melhorar não só o humor, como também contribuir para a saúde. Isso tem um nome: a aromaterapia, a ciência (e também a arte) terapêutica eficaz por meio da utilização de substâncias aromáticas naturais. Existem variados aromas para estimular e tratar áreas específicas do corpo e mente.

Sendo assim, olfato bem trabalhado pode relaxar e até curar. Daí a importância dos odorizadores em casa. E para manter um cômodo perfumado por até três horas, basta apenas entre cinco e dez gotas da essência. Alguns perfumes são importantes para determinadas mazelas. Confira alguns exemplos de cheiros que relaxam:

  • Lavanda: ajuda no tratamento de transtornos como insônia e depressão;
  • Camomila: tranquilizante que promove relaxamento do corpo e mente;
  • Capim-Limão: tem a função de ajudar a purificar a mente, contribuindo para manter a paz no ambiente;
  • Rosa: ligada ao sensual, a sua essência ajuda a purificar a mente, estimulando também o romance no local;
  • Sândalo: o mais exótico aroma entre esses citados, o sândalo indiano é escuro e sedutor, com propriedades que relaxam o corpo.

Vale lembrar que a Wesco trabalha com uma linha de odorizadores que combinam diferentes visuais para variados ambientes de casas, consultórios ou escritórios e com modelos simples até mais modernos. Confira as opções:

Com informações: Folha de São Paulo, Magazine Luiza

Os comentários estão fechados.