Cuide da higienização dos locais onde seu cão frequenta! | Wesco

Cuide da higienização dos locais onde seu cão frequenta!

O Acacabou pode ajudar nesse controle de higienização em locais públicos e em condomínios

Vamos combinar que ter um cão (ou um gato) como animal de estimação é tudo de bom, mas quando nos lembramos de que precisamos limpar a sujeira que eles fazem, sempre bate aquele desanimo.

Mas manter o local onde seu cão frequenta limpo é essencial, principalmente se esse local for compartilhado com outras pessoas e animais. Afinal, quando se trata de bem-estar, ter um local bem cuidado para se frequentar faz toda a diferença.

E quando esse local faz parte de onde decidimos morar, é essencial cuidarmos da higienização de nosso melhor amigo, o cão. Além de não queremos nossa casa suja, morar em condomínios requer cumprir algumas regras estabelecidas, principalmente as que envolvem nossos animais de estimação.

Dentre essas regras, as mais comuns são:

  • Evitar que os animais incomodem os vizinhos com muito barulho;
  • Ensinar a não destruir moveis e objetos, principalmente aqueles que ficam em áreas comuns;
  • Ensinar o cãozinho a não invadir o espaço pessoal de outros moradores e de outros animais de estimação;
  • E, principalmente, cuidar da manutenção da saúde e do bem-estar do animalzinho.

E essa última regra mais comum costuma ser a segunda atividade que mais incomoda os moradores, pois nem sempre o dono do cãozinho recolhe as necessidades feitas durante o passeio, causando sujidades e mau odor ao local, e colocando todos os moradores (e funcionários) que também frequentam o local de passeio do cão, em risco.

Isso porque, por mais que o dono possa cuidar da saúde do cãozinho, as fezes deixadas em locais impróprios podem carregar doenças ou atrair agentes patológicos que podem nos adoecer. Um exemplo são as doenças causadas por parasitas, que têm seus ovos evacuados nas fezes do cãozinho.

Portanto, o ideal é que dono tenha a consciência de recolher as fezes e outras sujeiras que o cãozinho pode fazer nesses espaços compartilhados. Em condomínios, é comum estabelecer um valor de multa para aqueles donos que desrespeitam esse tipo de regra.

Mesmo com consciência e com medidas para que as fezes e sujeiras do cãozinho não fiquem em locais impróprios, é importante cuidar da higienização do local.

Em locais público isso é mais difícil, mas em condomínios é mais fácil de se controlar. O condomínio pode contratar um serviço de limpeza profissional e, pode ainda, educar a equipe que realiza a limpeza do condomínio sobre a melhor forma de higienização geral e sobre a frequência dessa higienização.

Outra medida que ajuda, facilita e ainda educa os donos de cães que não carregam saquinhos para as fez, é instalar o Acacabou! Um produto inovação da Wesco, que faz sucesso onde é instalado. Se trata de um dispenser com saquinhos obi-biodegradaveis, perfeitos para a coleta das fezes e de outras sujeiras que o cãozinho (ou gatinho) possa fazer em locais ao ar livre.

Dessa forma, o condômino pode ajudar a manter o condomínio sempre organizado e sem criar nenhum tipo de antipatia por causa desse tipo de problema! Confira mais informações sobre o Acacabou aqui.

Com informações de: Portal do Condomínio